domingo, 8 de fevereiro de 2009

Amor e desejo

Amor e desejo são coisas diferentes.
Nem tudo o que se ama se deseja e nem tudo o que se deseja se ama
Miguel Cervantes

De tão assertivo arreda a discussão.
Até porque o desejo por vezes implicita posse e isso não cabe no amor.

4 comentários:

Cris Animal disse...

Seu mundo é blogs é extenso demais! Aos poucos, vou lendo você!
Miguel de Cervantes tinha razão. Posso amar sem ter o desejo de querer; aliás esse desejo precisa ser vigiado por nós. Querer sem ter a posse me parece o único compatível com o amor.
Gostei daqui!
beijo
.............Cris Animal

cris disse...

Ah! ah! Já começa a usar citações nos blogs. Conheço alguém que não sabe fazer outra coisa. Jinhos

Isa disse...

Acabei de chegar.Posso dizer o que "li"?
Li textos com uma ironia,uma pitadinha só,por onde passa tb.uma
luz cinza.
Quando aqui voltar prometo ñ dizer "estas cousas".
beijo.
isa

PS-Quem lhe disse q. ñ dei de comer ao animal de estimação?Dei,pois.

Anónimo disse...

Não ficou nada por dizer..."short and sweet"...
jinhos
Di